Categorias
Cavalos

tem o poudro ele tem 7 meses oque devo fazer para que ele tenha um bom desenvolvimento?

oque devo fazer pra que ele tenha um bom desinvolmento?para que ele cresça bastante e seja um otimo cavalo?

3 respostas em “tem o poudro ele tem 7 meses oque devo fazer para que ele tenha um bom desenvolvimento?”

bom.. o pelo é principalmente resultado da boa alimentação. uma alimentação rica em óleo garante um pelo sempre sedoso, brilhante e bonito. Sempre que o animal estiver bem alimentado (nutrido) ele tera um pelo bom.
os cavalos devem ser escovados diariamente, principalmente antes do uso para remover os sais residuais do suor ou qualquer outra particula como resto de serragem que possam machucá-lo em atrito com os arreios.
para isso, basta um rasqueador e uma escova. primeiro vc rasqueia (q seria como ‘raspar” e depois escova o q soltou.
Vc pode tambem passar um pano umido no animal.
o rosto deve ser tratado com escovas mais macias, panos umidos para limpar os olhos e o nariz.
a crina e o rabo podem ser penteados com a escova dura ou até pente.
Quanto à alimentaçao, nao é o melhor deixar cavalo preso. Lembre-se de q o cavalo é um animal grande e acostumado a correr. Ele precisa de espaço. cavalos de baia requerem muito mais cuidados, saem muito mais caros e adquirem maior numero de doenças pois como ficam a baia, acabam estressados o que reduz sua imunidade. Eles tem muito mais problemas com cólicas e essas apesar de um tanto quanto inofensivas para as pessoas, sao letais para cavalos uma vez que eles nao conseguem simplesmente vomitar o que ingerem.
Por isso é um ideia melhor crialos livres, prendendo apenas de noite para dormirem, apesar de isso nem ser necessario.
Os cavalos, quando presos devem ingerir, para manter o peso, 1% do peso vivo em materia seca (q seriam as fibras, proteinas, sais…. sem água). ou seja, um cavalo q pesa 500 kg deve comer 5 kg de materia seca. Para engorda, são necessários 2% do peso vivo do animal em materia seca (dos 5 kg usados para manutençao de peso, passa-se para 10kg para engorda).
O “verde” ou pasto, pode ser dado a vontade. o cavalo pode comer a vontade pois esse quaser nao tem valor nutricional. apesar de o cavalo comer vários quilos de capim, boa parte disso é agua e esse capim, embora sem grande valor nutricional é importante na manutenção do intestino e principalmente para o psicologico do animal que ao mastigar algo, “engana” a fome.
Isso porque o cavalo apesar de ser um animal grande tem o estomago muito pequeno e por isso ingere apenas pequenas quantidades de comida por vez, ao contrario das vacas e outros ruminantes. dessa forma ele é um animal que pode passar o dia inteiro pastando, um pouco de cada vez, mas ainda assim o dia inteiro.
Alguns pastos indicados para cavalos são o coast cross, tifton, tanzânia, capim gordura ou até braquiária MIDICULA ( a braquiaria de folha larga nao é indicada para cavalos… e eles nao gostam muito)
além disso, para ser picado e servido no cocho, existem os capins napiê ou napier, elefante ou o que os cavalos adoram: alfafa.
A alfafa é muito nutritiva e os animais adoram.
pode-se dar ainda para os cavalos, milho, girassol, cana e mistura de farelos como soja, algodão, entre outros.
alem disso, o cavalo necessita de sal mineral que é comprado em sacos ou blocos.
A água do animal deve ser sempre LIMPIDA e ele nao pode ficar sem água.
Os cavalos comem quase tudo, é só questão de vc acostumá-los. cenouras, maças, bananas, qualquer fruta ou ate torrao de açucar sao coisas q os animais aprendem a comer, nao comem naturalmente. eles veem os outros fazendo ou experimentam de curiosidade e vao aprendendo aos poucos. entao nao se assuste se seu cavalo nao comer esse ou aquele alimento, vc deve acostuma-lo fazendo o comer isso aos poucos, misturando com algo que ele ja come ate substituir totalmente.
Os banhos variam. é sempre uma boa ideia dar uma ducha ou meia ducha (so lavar a parte de baixo do animal (membros, genitalia e parte inferior da barriga)) sempre depois de usá-los. existem shampoos e condicionadores para cavalos mas nem sempre eles sao necessarios.
sempre comece a dar banho de baixo pra cima, primeiro os cascos, as pernas, a parte inferior da barriga e assim pordiante para evistar choque termico. e cuidado para nao deixar entrar agua no ouvido do animal pois isso pode traumatiza-lo. os cavalos tem HORROR de que entre agua no ouvido.
Além disso, é importante que vc exercite seu cavalo todo dia, principalmente se ele for criado em baia. caso ele tenha um pasto grande, pelo menos duas vezes por semana… para que ele nao desacostume, perca a forma ou fique doente (caso seja de baia.)
Deve-se ter muito cuidado com a higiene do local q o cavalo esta principalmeente se for baia.
uma cama suja (forração da baia q pode ser serragemm, palha de arroz….) traz doenças que podem ser letais. a umidade proveniente da urina traz problemas de casco que podem fazer q vc perca seu animal. um exemplo é a broca.

Espero ter ajudado.

boa sorte!!!

Oferecer a ele uma alimentação equilibrada, com gramíneas verdes (pasto), ração para potros (de acordo com a recomendação do fabricante sempre), sal mineral próprio para equinos.
Água fresca e limpa.
Oferecer também adequadas condições sanitárias, fazendo as vacinações (nas regiões onde a vacinação é recomendada) e vermifugações certas.
Fazer o controle de ectoparasitas. Cuidar do pêlo com escovações frequentes. Mandar um profissional casquear sempre que for necessário.
Medicar de acordo com as recomendações do profissional quando o potro adoecer.
Deixar ele a pasto, desta forma ele se exercita sempre que tiver vontade. Cavalos não nasceram para viverem confinados e nenhum potro tem um desenvolvimento satisfatório vivendo confinado. Além disto, ele poderá desenvolver “vícios” que farão dele um animal problemático. Baías não foram feitas para cavalos viverem o tempo todo.

Você pode já doma-lo de cabresto. Esta doma é mais fácil quando o animal ainda é jovem. Assim, fica melhor para você escova-lo e banha-lo (só dê banho em dias quentes, e nunca perto do anoitecer) e limpar os cascos. Quanto mais jovem ele se acostumar com estes manejos, ´mais manso ele ficará e isto facilita na hora da doma.

Seu potro não precisará mais do que estas recomendações.

Diego, primeiro a se fazer é uma analise sobre o seis meses passado do seu potro, a amamentação foi natural ? Houve problemas durante ? As vacinações estão em ordem ?… Caso tenha corrido tudo bem durante os meses anteriores o melhor a se fazer é dar continuidade a esse trabalho bem sucedido até o presente momento.
Vamos começar falando sobre a “apreciação visual”, apesar do desenvolvimento tecnológico e etc e tals, a apreciação visual continua sendo o melhor indicador sobre o estado nutricional do potrinho. É necessário saber avaliar alguns itens como a Condição de alerta, a estrutura óssea e tambem a Sudorese.
Dae como avaliar o potro ?
(o exemplo abaixo é relativo a raças do tipo trabalho como: Quarto de milha e Crioulo)
Usamos alguns numeros obtidos através de pesquisas técnicas sendo assim por base sabemos que:
Aos seis meses o potro deve apresentar 78% do seu desenvolvimento total.
Se a altura adulta da raça for 1,60 a 1,65 ele apresentara +/- 0,70 a 0,77 da cernelha até o solo.
Caso o peso final gire em torno de 450 a 600 Kg o potro apresentara aos 6 meses 198 a 264 Kg.

Para que o animal desenvolva de forma saudavel é importante que receba a quantidade exata de nutrientes como Cacio e Fósforo, volumosos e concentrados.
Outro fator que influencia diretamente no desenvolvimento é as condições a qual esse potro é submetido como o espaço físico e a perfeito estado do mesmo.

É importante que o potro se acostume com o manejo humano sem que sofra intervenções radicais na sua naturalidade. Sendo assim podemos pelo menos fazer com que o pequeno nos relacione ao que é natural.
Como fazer isso ?
1- Cabresteando o animal mesmo que não esteja na iniciação.
2- Durante a higienização, utilizas escovas finas com o intuito de habituar o animal a não sentir coócegas.
3-Conduzi-lo sempre pela guia.
4-Os cascos do potro tem que ser constantemente analisados, assim fara com que ele acostume também com o seu manuseamento.

Resumindo: Diego, uma boa alimentação, um acompanhamento técnico por profissionais da área da saúde e desenvolvimento animal, um local apropriado, carinho e paciência fara de seu potro um grande e ótimo cavalo.

Boa sorte !
espero ter ajudado de alguma forma.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *