Categorias
Cavalos

PRA QUEM QUER Q TODO MUNDO DO B.B.B SE F.O.D.A LEVANTE A MÃO?

17 respostas em “PRA QUEM QUER Q TODO MUNDO DO B.B.B SE F.O.D.A LEVANTE A MÃO?”

\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/

\o/, estou contigo, esse porcaria tem que acabar, não consigo entender com teve audiência para alcançar a décima edição ¬¬’.

Só não entendo por que perguntou na categoria “Cavalos”, vai saber O.O.

\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/\ô/
Cara, tá td levantado aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *