Categorias
Gatos

Por Favor me ajudem??! sobre gatos urgente!?

Gente, cabei de chegar do veterinario, o mundo caiu em minha cabeça…
Tudo começou ao decorrer das ferias, minha gata estava com falta de apetite e o estomago (dos lados da barriga) estava almentando de tamanho, parecia inchado…
Levei ao veterinario, daqui a pouco sai o resultado…
A medica disse que pode ser cancer de figado…
Fiquei pasmo e nao consegui perguntar nada, congelei…
Alguem sabe os sintomas de cancer de figado de gato??

10 respostas em “Por Favor me ajudem??! sobre gatos urgente!?”

Nao Daniel ,não sei mas nao estou aqui para ganhar pontinhos, só para te dizer que desejo boa sorte e que o resultado do exame não seja esse.Mas nao desanime, a medicina veterinaria tambem esta avançada e se a coisa estiver no começo talvez o gato possa ficar bem.
Seja cancer ou nao, que o gato possa ser tratado e se recupere bem.Deve ter sido um choque mesmo, mas tente se acalmar e aguardar os resultados, depois voce conversa commais calma com a veterinaria.
Abraço,força ai!

Cancer é uma divisão e crescimento desordenado de celulas. O cancer se divide em duas categorias basicas o Sarcoma e o carcinoma, o Sarcoma é derivado de tecidos estruturais,o Carcinoma é um cancer que não se deriva de celula dos tecidos estruturais, mas sim de celula da pele, sangue e tecido glandular o cancer se espalha pelo corpo atraves de um processo denominado metastase, lugares comuns da metastase são figado, rins e pulmões porque são orgaos que filtram o sangue, sintomas aumento do abdomem,e perda de peso o tratamento quimioterapia e rdioterapia.

Câncer é o nome dado à proliferação desordenada de células de qualquer tecido do organismo. Esse crescimento desordenado causará danos ao funcionamento dos órgãos comprometidos e, consequentemente, com o avanço da doença, a morte do indivíduo. O grande problema do câncer é que pode ocorrer a metástase, ou seja, uma célula do tecido ou órgão doente vai se instalar e multiplicar-se em outros órgãos através da corrente sanguínea

. O local mais comum e que é afetado pela maioria dos tipos de câncer é o pulmão. Daí a importância de se fazer um raio-X pulmonar, para verificar se esse órgão vital já está afetado quando da detecção de qualquer câncer. A extensão da doença e o tempo de vida que o animal terá vão se basear muito nesses dados.

O câncer é uma doença temida, e sinônimo de morte para alguns. Nem sempre isso é verdade. Se conseguirmos detectar a doença em fases iniciais, o animal poderá ser tratado e o tumor retirado cirurgicamente antes que ocorra a metástase. Há chances de prolongamento da vida do animal nesses casos, porém, mesmo com esses procedimentos, a metástase pode já ter ocorrido (mas não estar evidente) e vir a se manifestar mais tarde.

Nem todo tumor é câncer. Os tumores benignos, porém, quando começam a crescer rapidamente, devem ser retirados, pois podem tornar-se malignos.

Os sinais clínicos de um animal com câncer variam muito com o tipo de tumor. No caso do osteossarcoma (tumor ósseo), por exemplo, a fratura de um osso pode estar ligada ao tumor, uma vez que há destruição da estrutura óssea. Os linfomas (tumor nos gânglios), em sua forma mais comum, revelam aumento de um ou mais gânglios. Apesar das várias manifestações que o animal possa ter, muitas vezes o gato com câncer apresenta apenas perda de peso, antes que sinais mais graves apareçam.

O diagnóstico do câncer é feito através da retirada e análise da massa tumoral (biópsia), exames de raio-X, ultra-sonografia e exames de sangue.

Em termos de tratamento, dependendo do tipo de tumor e do estágio da sua evolução, ele pode ser cirúrgico e/ou medicamentoso. A quimioterapia é usada em animais em alguns tipos de câncer, mas essas drogas, além de matarem as células tumorais, deprimem a medula óssea, causando efeitos indesejáveis.

A radioterapia é usada também em animais, mas ainda não é uma prática comum. Num tratamento de quimioterapia, o animal tem que ser monitorado com exames de sangue semanais, para se verificar qual está sendo a ação da droga no organismo e se o tratamento pode ser continuado. Todo esse monitoramento, associado aos medicamentos, dietas especiais, etc., tornam o tratamento bastante oneroso. Durante o tratamento, não há queda de pêlos em animais com pelagem curta, podendo isso ocorrer em pequena proporção em gatos de pêlos longos.

Não há predileção de sexo, mas algumas raças são mais acometidas que as outras. Geralmente, o câncer aparece em animais mais velhos. Ainda não se sabe se algum fator genético está envolvido, nem as razões pelas quais se dá o início da multiplicação desordenada das células. Também não há meios de se prevenir o câncer em animais. Um diagnóstico precoce, que nem sempre é possível, é a única maneira de se enfrentar o câncer com possibilidades de prolongamento da vida do animal e, em algumas vezes, a cura.

Boa sorte, ore para que ele viva 🙂 Que Deus te abençoe

– Tumores abdominais: Atingem rgos do abdomen. Comuns mas dificeis de diagnosticar em fase inicial. Os primeiros sinais so aumento do abdomen e perda de peso.
– Tumores mamarios: Femeas idosas, tendem a crescer e se espalhar rapidamente pelo corpo. 85% desses tipos de tumores sao malignos. A castracao precoce da femea reduz o risco de ocorrencia.
– Tumores da cabea, pescoo, nariz e boca: Massas nas gengivas, com sangramentos, mau cheiro, dificuldade de comer, so sinais de alarme.
– Linfossarcoma: cancer no sistema linfatico que costuma ocorrer em animais de meia idade. Em gatos por volta dos 8 anos.
– Tumores de pele: incidencia maior em animais idosos e animais brancos. Eles dao metastase nos linfonodos e pulmes.
– Melanomas: Cancer de pele, usualmente so tumores solitario, pigmentados de negro e podem ser malignos ou benignos. A maior parte dos canceres de pele nos gatos e maligno.

Veja os sintomas. Se nenhum se encaixar, espere o resultado e reze muito. Saúde para sua gata e espero de verdade que ela melhore.

Abraços

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *