Categorias
Aviação

O avião que caiu próximo a ilha fernando de noronha o qual se partiu no ar com mais de 200?

Não acharam a caixa preta dele? na sua opnião tem condições ainda de ser achada esta caixa preta? ou todos podem esquecer que jámais isto aconteçera? e se acharem devido o acidente não acha que as gravações podem estar danificadas? e qual era o tamanho do avião que caiu? e acharam todos os corpos?

6 respostas em “O avião que caiu próximo a ilha fernando de noronha o qual se partiu no ar com mais de 200?”

Não acharam a caixa preta e acho difícil encontrarem, pois ela emite um sinal localizador por 30 dias. Durante esse período não detectaram ou por estar em área bastante profunda e cheia de relevos que interferem na recepção do sinal ou o impacto foi tão forte que danificou este emissor. Tentaram mais uma vez localizar com base em estudos onde ela poderia estar, mas nada foi encontrado. Geralmente as caixas pretas aguentam bem os impactos, então acho que se encontrarem, vai ser possível saber o que aconteceu.

Não foram encontrados todos corpos.

Aqui tem um especial sobre o acidente:
http://noticias.uol.com.br/ultnot/voo-af447/

O avião era um Airbus A330-200. Dados neste site:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Airbus_A330

Imagine vc procurar por um objeto de Metal que tem o tamanho aproximado de uma caixa de sapatos a mais de 2.000 metros de profundidade numa escuridão total e numa zona de um tamanho que eles sequer sabem estimar.

Há mais de 70 anos, os Estados Unidos da América procuram os 5 Aviões TBF Avenger do voo 19 que caíram numa missão de treinamento durante a Segunda Guerra Mundial e segundo eles, a região onde caíram, possui uma profundidade de no máximo 600 metros e veja o Avenger é uma Aeronave quase do tamanho de um Jatinho executivo e nesse voo especifico eram em número de 5.

Tudo é possível, mas tambem acho difil acharem, agora, essa caixa preta. Se na época da queda, com muitos mais recursos, não acharam….

Mas isso não é nada. Tem muitos exemplos de aviões inteiros, que NUNCA foram encontrados.
Um caso que me intriga, foi o de um jato cargueiro da Varig, voando do Japão aos EUA, (onde faria escala) que desapareceu sobre o pacífico e jamais foi encontrado, sequer indícios.
O incrível é que seu comandante (infelizmente não me lembro do nome – era japonês) ERA O MESMO que faz um pouso forçado, bem próximo da cabeçeira da pista em Orly, França, onde morreram mais de 100 pessoas, inclusive famosos do Brasil. O acidente foi devido a fogo a bordo, e é detalhadamente relatado no Livro ‘CAIXA PRETA” do Santana.
Isso é que é destino !!!

abs
JERO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *