Categorias
Cães

Meu filhote de rottweiler morreu? Como posso esquecer ele?

Ele era só um filhote… Deixaram ele na frente da nossa casa… Ele ja estava muito mal cheio de carrapatos… Um dia ele ficou bem mal e caido. No outro dia quando acordamos ele ostentava ua aparencia como se estivesse morto… Levamos ele ao veterinario e ele ficou lá a principio a veterinaria disse que ele sofreu uma intoxicação, ele podia sobreviver mas tambem podia não aguentar mais tarde ela ligou dizendo que era maior a chance dele não aguentar pois ela havia descoberto um coagolo na cabeça dele, no dia seguinte depois de vomitar vermes ele infelizmente faleceu… Confesso que fiquei chateado, ele era só um filhote. Mas aí fica a dúvida, será que eu podia ter evitado isso? Será que se eu tivesse levado ele antes ao veterinário ele teria sobrevivido?
Contem as suas experiencias, Mas como esquecer ele? Talvez isso possa me fazer eu me sentir melhor!! obg: Matheus
Só lembrando que sou mais homem que o american boyola ai em baixo…

13 respostas em “Meu filhote de rottweiler morreu? Como posso esquecer ele?”

Poxaa, que triste
Quando a minha cadelinha morreu , eu fiquei muito mal , muito mesmo . Mas aí eu fui arranjando coisas pra fazer pra esquecer ela , tipo , entrei na aula de violão e ficava treinando no meu tempo livre , e nisso eu não tinha tempo pra pensar nela , e acabei superando . Espero que vc supere ele ! E lembre-se ele está num lugar melhor (:
Bjs

Entendo o que voce passou, imagine eu que passei 12 anos com um cachorro e ele morreu, eh uma dor horrivel, pense que ele estah num bom lugar que nao estah sofrendo.
E daki ha um tempo pense em adquiqir um novo cachorrinho saudavel!
beijos

A perda de um bichinho realmente é bem triste, nós nos apegamos a eles e criamos vínculo.
como vc disse, o animal chegou bem mal, e vc não tinha o histórico dele (ja que foi abandonado, vc nao tinha como saber se ele tinha alguma doença contagiosa, se tinha vermes, etc). Filhotes são bem sensíveis e com baixa imunidade. Não fique se culpando, talvez ele tinha algo que não poderia ter sido solucionado por profissionais.

Espero ter ajudado.. 🙂

Talvez ele tivesse uma chance maior se já tivesse sido medicado, isso quanto aos vermes e carrapatos, mas não sei o que significa esse coágulo que ele teve na cabeça, talvez fosse complicado de descobrir que ele tinha isso, talvez vcs levassem ao veterinário e ele nem ia notar…

Acho que a perda de um bichinho sempre nos deixa muito mal, perdi minha Akita dia 20, na verdade ela precisou ser sacrificada, o que acho pior ainda, ela estava muito idosa e já não escutava quase nada, contudo ainda brincava como um filhote, sempre vinha correndo com bichinhos e bolinhas na boca para gente jogar e ela ir buscar. Contudo a seis meses atrás bandidos me renderam no portão de casa, quando entraram ela atacou para me defender, conseguiu jogar um dos caras na calçada, mas tinha outro comparsa de moto do lado de fora, para tentar salvar o bandido ele atropelou minha cachorra. Ela ficou esses seis meses em tratamento, a coluna dela virou e ela perdeu a sensibilidade das patas traseiras, a gente não queria sacrificar e fizemos tudo que podíamos, tentwamos todos os tratamentos e medicações possíveis, todo dia eu ia dar comida ajudava ela se levantar para fazer xixi, e ela sempre muito boazinha, mas de repente ela não conseguia mais ficar em pé nem com ajuda, passou o dia uivando de dor, e tremia, nenuma medicamente fez parar, tinha chegado a hora de deixá-la ir.

Mesmo assim fiquei arassada, sei que ela descansou, mas mesmo doente eu queria ela do meu lado…

Olha, o fato que mais complicou o estado dele foi a infestação de carrapatos e a verminose, a doença que o carrapato transmite ao cachorro já é muito grave, o animal tem uma queda muito rápida da sua imunidade, e muitas vezes ela leva o animal a morte muito rápido. O fato do seu cachorro está com verminose complicou o quadro, a vermifugação do animal deve seguir um padrão para que ele possa manter o seu organismo saudável e ter um desenvolvimento normal. A primeira vermifugação ocorre dos 25 dias de nascido, sendo refeita dez ou quinze dias depois. Após a vermifugação vem a necessidade de iniciar a vacinação, a primeira vacina V8 ou V10 (no veterinário) deverá acontecer aos 45 dias, e deverá ser refeita a cada 30 dias, totalizando 3 doses de vacina, após isso, deverá ser dada a vacina contra a raiva (também no veterinário). Mas os cuidados com a vermifugação e a vacinação não termina aí, a vacinação deverá continuar anualmente, com a V8 ou V10 e a contra a raiva, e a vermifugação deverá ser feita pelo menos a cada seis meses.
Para amenizar a saudade do seu amigo eu aconselho procurar adotar outro amigo, mas lembre os cuidados com a saúde do seu animal é o que o faz feliz, bem disposto, companheiro.
Boa sorte!

a unica doisa que poderia ter feito a mais era dado o vermifugo pra ele antes dele adoecer…mas o resto…vc fez o que pode, fike tranquilo…..compre outro filhote e siga em frente coma mente em paz

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *