Categorias
Répteis

me ajudem quanto devo dar para uma tartaruga?10 pontos?!?

tenho 3 tartarugas duas femeas adultas e um macho adolecente,dou peixe,pao,maçã,e couve,mais não sei quanto ela deve comer por dia as femeas estao desovando,quanto devo dar ,agradeceria uma boa resposta!!

6 respostas em “me ajudem quanto devo dar para uma tartaruga?10 pontos?!?”

As pequenas tartarugas aquáticas podem facilmente ser mantidas em pequenos aqua-terrários ou mesmo em lagos de jardim.

O aqua-terrário é um misto de aquário e terrário, onde existe uma parte seca e outra alagada, permitindo que as tartarugas optem em estar fora ou dentro da água. Devem ser equipados com sistema de filtragem para conservação da qualidade da água. Quando estes animais forem mantidos em pequenos lagos de jardim, estes devem ser cercados e também ter áreas secas, onde as tartarugas possam tomar sol.

Como as tartarugas possuem um metabolismo elevado, a água de seu habitat pode se tornar poluída rapidamente se não houver um bom sistema de filtragem em funcionamento e se não forem feitas trocas periódicas da água, principalmente no caso dos aqua-terrários. Deve-se também, nos aqua-terrários, de tempo em tempo realizar uma limpeza completa, lavando bem toda a decoração e os equipamentos.

A maior parte destas tartarugas preferem uma temperatura ambiente entre 20 e 30 ºC. Os aqua-terrários podem estar equipados com sistema de aquecimento como os usados em aquários ou com lâmpada de infra-vermelho, (mais opções abaixo) o que permite aos animais manterem-se ativos durante todo o ano. Em ambiente aberto ou sem aquecimento, as tartarugas podem hibernar durante os meses frios, conforme o rigor do inverno, deixando de se movimentar e alimentar.

A exposição à luz solar é fundamental, pois os raios ultra-violeta permitem a melhor assimilação dos nutrientes, principalmente cálcio, importante para a formação do esqueleto e carapaça. Esta exposição à luz solar não deve ser através dos vidros de janelas, pois neste caso ocorre uma filtragem prejudicial dos raios solares.

Quando não há controle de temperatura, em locais onde o frio é intenso, ocorre a hibernação. As tartarugas cessam completamente a alimentação e a movimentação. Elas tendem a se entocar entre as pedras ou até mesmo se esconder entre as folhas mortas ou a própria vegetação. Quando o inverno é mais ameno, as tartarugas não chegam efetivamente a hibernar. De qualquer forma elas diminuem o metabolismo, vindo a se alimentar e movimentar menos. É importante que você saiba que estas mudanças de comportamento são normais e que não indicam que elas estejam doentes. Durante o período de hibernação o sossego dos animais deve ser respeitado, para que eles não acordem antes da hora. Nunca movimentá-los neste período e evitar inclusive muito barulho no ambiente em que estiverem descansando, são cuidados importantes.

Alimentação
Contrariamente à tartaruga terrestre que prefere uma alimentação vegetariana, a tartaruga aquática privilegia uma alimentação animal. Peixes de água doce aos pedacinhos (mas sem limpar), caracóis, gafanhotos e outros insectos. Pode também ração para carnívoros e alguma fruta (20%) ou então recorrer à alimentação enlatada que se encontra à vendas nas lojas de animais de estimação. Deve logo desde o início estabelecer um padrão alimentar regular, uma vez que a tartaruga não aceita muito bem profundas mudanças na alimentação. Dê-lhe de comer enquanto estão dentro de água pois de outro modo a tartaruga não irá comer. Paralelamente à dieta diária será necessário fornecer alguns suplementos como o cálcio, vitaminas e sais minerais que podem ser facilmente misturados na dose de comida. Relativamente às quantidades e frequência de administração deste suplementos, depende essencialmente da idade da tartaruga.

Deve dar alimento que seja comido em poucos minutos, se for de água, para que não estrague a água. Se for terrestre, aconselho o mesmo, quanto mais fresco for, melhor. Se for aquática, eu aconselho dar ReptoMin, pois tem todos os nutrientes que necessitam (:

“Ganhei 2 pontos por não responder nada!”
……..|¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨…‡
……..|……….2 Pontos …..|||”|””\__
……..|__________________|||_|___|)< ........!(@)'(@)""""**!(@)(@)****!(@)

olhe cuidado com a fêmea que esta desovando pois os outros podem quebrar os ovos o recomendado seria voce separar a fêmea dos outros e botar alimento também para os filhotes quando sairem dos ovos já os outros pode botar 1,2 ou até mesmo ,3 folhas de alface que eles comem se não estiverem com fome não tem problema eles comem depois

Boa tarde Diego,
Você tem boas respostas, porém eu gostaria de destacar alguns pontos:
A ração é imprescindível e não vi você escrever que dá para elas, a Reptomin é uma das boas marcas,
Elas tem que tomar sol quanto mais melhor, ajuda na absorção de vitamina d e é importante para o bom metabolismo delas,
Principalmente por elas estarem no período de desova a ração é importante para repor nutrientes que são perdidos com os ovos,
Não se preocupe com quantidade se elas aceitarem alimente-as, ao contrário dos peixes elas não vão morrer por excesso de alimentação,
Eu tenho atualmente 10 tartarugas entre tigre d’agua e orelha vermelha, as mais novas nasceram faz 40 dias e a mais velha tem quase 18 anos.
Quase certeza absoluta estes teus ovos devem ser férteis, o meu caso é o mesmo do teu, o meu macho deve ter uns 4 anos, 10 cm enquanto a fêmea era adulta 25 cm.
Demoram de 90 a 120 dias para as tartaruguinhas nascerem porém atenção se você estiver em local que tem inverno rigoroso, elas podem deixar para sair da terra até uns 10 meses após a postura ou seja na próxima primavera, foi o que aconteceu comigo, conselho, pegue uma tela de malha pequena e deixe ao redor do ninho daí quando elas nascerem você vai poder ve-las pois eu não fiz isto e tive muita dificuldade e surpresa pois encontrei as filhotinhas no meio do jardim e infelizmente a minha cachorra também encontrou uma mas matou.
Muito boa sorte e sucesso na criação!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *