Categorias
Peixes

6 fatos assustadores sobre golfinhos?

O golfinho é um animal marinho, pode saltar até cinco metros acima da água, nadar a uma velocidade de até 40 km/h e mergulhar a grandes profundidades. Sua alimentação consiste basicamente de peixes e lulas. Pode viver de 25 a 30 anos e dá à luz um filhote de cada vez.

Ok, nada disso assusta.

Mas se você sempre pensou em golfinhos como aqueles animais bonitinhos, que brincam com os instrutores no parque aquático, pegam o peixinho que você joga para o ar e brincam com a bola de praia, prepare-se para desconstruir essa visão.

6. Golfinhos evoluíram da terra para a águaTodo mundo faz na cabeça a imagem de evolução como peixes que se cansaram da monotonia do fundo do mar, criaram pseudo-pernas e se arrastaram para fora da água. Pois os golfinhos fizeram justamente o caminho contrário. Há fortes indícios de que eles eram predadores em terra, que, enjoados da lentidão com que a gravidade os forçava a se locomover, foram migrando para a água. A base para essa teoria é o formato do embrião do golfinho, no qual é possível ver quatro membros querendo se definir. Os golfinhos, então, teriam passado a viver na água por cada vez mais tempo e os membros foram perdendo importância, o que caracterizou sua evolução. Coisa de umas dezenas de milhões de anos…

5. A Orca é um golfinho: As pessoas chamam a Orca de Baleia Assassina. Mas esse apelido é muito injusto. “Por quê?”, Perguntará você. “Porque ela não é assassina”? Não. É porque ela na verdade não é uma baleia, e sim um golfinho. O apelido é injusto com as pobres baleias. Agora, assassina a Orca realmente é. Tanto que uma delas chegou a matar três pessoas de uma só vez. Detalhe: ela era amestrada para não atacar ninguém.

4. Golfinhos são pervertidos: O golfinho é um dos animais mais ativos sexualmente no mundo. Tirando os primatas, é o único que faz sexo apenas por prazer. Apesar de uma gestação levar de 12 a 17 meses (dependendo da espécie) eles podem muito bem fazer orgias, se engajar com quantas parceiras e – pasmem – parceiros que encontram pela frente. Sim, existe até homossexualismo entre os golfinhos. Alguns chegam até mais longe, usando brinquedos sexuais , tais como gravetos e ossos, para apimentar as relações.

3. Golfinhos são caçadores malandros: Não restam dúvidas de que o golfinho é um animal esperto. Em alguns pontos, essa esperteza é esticada ao ponto de se tornar ardilosa, mordaz: eles são caçadores muito astutos. Eles agem em cooperação para caçar peixes. Um grupo pequeno de golfinhos consegue se posicionar bem de modo a encurralar facilmente centenas de peixes, garantindo uma refeição para todos do bando.

2. Golfinhos podem ser treinados para lutar: Existem histórias pouco divulgadas, durante a guerra fria, entre Estados Unidos e União Soviética. Uma delas, esquisitíssima, diz que os soviéticos venderam “golfinhos de combate” para o Irã. Felizmente, eles acabaram não sendo usados. Imagine só um bando exército de golfinhos atacando algum lugar!

1.Golfinhos são estupradores: Em 1997, cientistas americanos acharam vários cadáveres de filhotes golfinhos mortos. Ninguém acreditou que fosse obra deles próprios, mas ao que parece, golfinhos são assassinos doidos. E foi descoberto que eles possuem o hábito de abusar sexualmente de sua própria espécie (e aí nenhum golfinho está excluído, abusa-se de machos, fêmeas, jovens ou velhos), e até seres humanos, se tiverem a chance.

Fonte: http://hypescience.com/6-fatos-assustadores-sobre-golfinhos/

5 respostas em “6 fatos assustadores sobre golfinhos?”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *