elida

0

Não Respondido

preciso dessa respostas urgente

elida
04/04/2015
01:04

O ASSASSINO ERA O ESCRIBA Meu professor de análise era o tipo de sujeito inexistente. Um pleonasmo, o principal predicado de sua vida, regular como um paradigma da 1ª conjugação. Entre uma oração subordinada e um adjunto adverbial, ele não tinha dúvidas: sempre achava um jeito assindético